Início

O Serviço Nacional de Apoio eTwinning acaba de divulgar o Plano Europeu de Formação eTwinning 2018, que contém uma lista de ações de desenvolvimento profissional às quais se poderão candidatar os docentes eTwinners, de qualquer ciclo ou área disciplinar, de escolas públicas ou privadas, que pretendam iniciar projetos eTwinning com escolas europeias.

 

A OCDE publicou o manual de Ambientes Educativos Inovadores, onde se aborda(m):

  • os princípios da aprendizagem que suportam o desenho de ambientes educativos;
  • a plataforma OCDE “7+3” para ambientes educativos inovadores;
  • a aprendizagem da liderança e pensamento avaliativo;
  • a transformação e mudança nos ecossistemas de aprendizagem.

ERASMUS +

Como é que o Erasmus+ pode melhorar o ensino e a aprendizagem na minha escola? Que oportunidades de desenvolvimento profissional podemos oferecer aos nossos professores através do Erasmus+? Como é que o Erasmus+ pode ajudar a minha escola a projetar-se e a estabelecer parcerias?

As respostas a estas e muitas outras questões podem ser encontradas no novo guia Erasmus+, para órgãos de gestão e administração escolar.

 

O guia é projetado para gestores escolares (diretores de escola, coordenadores, …) que desejam saber o que o programa Erasmus+ tem para oferecer, nos campos da educação pré-escolar, básica e secundária.

A primeira secção do guia descreve os benefícios que as escolas podem obter através da candidatura ao Erasmus+ e analisa as oportunidades disponíveis no programa: mobilidade docente e parcerias estratégicas. Esta secção também explora as vantagens do relacionamento com outras escolas, através do eTwinning.

A segunda secção fornece conselhos passo a passo, sobre o desenvolvimento de uma aplicação Erasmus+ bem-sucedida, procurando os parceiros europeus certos e aproveitando a experiência de diferentes escolas. Esta secção também mostra exemplos reais de projetos, para inspirar os órgãos de gestão escolares, ajudando a encontrar ideias e mostrando o que pode ser feito através do Erasmus+.

SELO ESCOLA ETWINNING

 

O projeto eTwinning pretende reconhecer e avaliar o envolvimento, o compromisso e a dedicação não só de alguns eTwinners, mas de equipas de professores e diretores de agrupamento.

O processo de obtenção do Selo Escola eTwinning contempla duas etapas.

1.ª etapa (Verificação automática) – A escola deve:

– estar registada no eTwinning há mais de dois anos;

– ter, pelo menos, dois professores eTwinners ativos, no momento da candidatura;

– ter um projeto eTwinning europeu reconhecido com Selo Nacional de Qualidade (nos últimos dois anos, a partir da data de candidatura).

Se uma escola cumpre os 3 requisitos da 1.ª etapa, todos os eTwinners inscritos na escola irão receber um convite, por email, para preencherem uma ficha de candidatura de autoavaliação, no eTwinning Live.

2.ª etapa (Preenchimento da ficha de candidatura de autoavaliação) – A escola deve demonstrar/comprovar:

– atividades que denotem uma sensibilização dos professores/alunos para uma utilização responsável da Internet​ (Critério A);

– a existência de uma colaboração ativa entre um grupo, de três ou mais professores, em atividades eTwinning (Critério B);

– que, pelo menos, dois grupos de alunos da escola estão envolvidos em projetos eTwinning (Critério C);

– a existência de dois professores eTwinning ativos na escola que tenham participado em um ou mais eventos educacionais eTwinning e o seu contributo para o desenvolvimento estratégico da escola (Critério D);

– o seu envolvimento público no eTwinning, por exemplo, exibindo o logótipo do eTwinning e/ou uma descrição das suas atividades eTwinning no site da escola ou através de documentos de promoção/diretrizes ou brochuras (Critério E);

– que foi apresentada uma atividade promocional do eTwinning na escola ou na comunidade local, durante o ano da distinção (Critério F).

As escolas devem apresentar provas para os diversos critérios e o último envio deve estar certificado pelo Diretor/Dirigente da Escola.

O período de candidaturas decorre entre dezembro de 2017 e março de 2018.

Para mais informações, clique aqui

Candidate o/a seu/sua Agrupamento/Escola ao Selo Escola eTwinning!

 

Nota:
Se verificar que a sua escola é elegível mas que nenhum dos professores eTwinners recebeu, por email, um convite para preenchimento do formulário, contacte-nos para verificarmos a situação, antes de 19 de janeiro de 2018.

O CCTIC de Santarém disponibilizou recentemente vários Recursos Educativos Digitais, através dos quais os alunos podem aprender conteúdos de um modo lúdico, divertido, inovador e tecnológico, através dos seus dispositivos móveis.
As 13 novas apps apresentadas no site do CCTIC de Santarém cobrem uma diversidade de temas, nomeadamente a História dos Descobrimentos Portugueses, Fábulas e Contos Tradicionais da Europa, Ciências e Tecnologia e Segurança na Internet.

« posteriores - anteriores »